VÍDEO MOSTRA MÉDICA AGREDINDO PM E BRIGA ENTRE MORADORES EM GUARUJÁ. 
CÂMERA DE SEGURANÇA FLAGROU BRIGA GENERALIZADA DURANTE CHURRASCO. CASAL DE MÉDICOS RESPONDERÁ POR VÁRIOS CRIMES, INCLUSIVE INJÚRIA RACIAL.
 
.

As câmeras de monitoramento de um prédio em Guarujá, gravaram o momento em que dois médicos agridem um policial militar e moradores do condomínio, que haviam reclamado do barulho durante uma churrascada na madrugada desta segunda-feira (27). O casal foi detido e liberado em seguida mas, segunda a polícia, responderá por pelo menos seis crimes, entre eles injúria racial.

Os vizinhos e moradores do edifício pediram para que os médicos respeitassem a lei do silêncio, já que estavam fazendo muito barulho durante a festa. A solicitação não foi acatada e os condôminos, então, chamaram a Polícia Militar. O casal, que já havia ingerido bebida alcoólica, xingou os moradores e agrediu um dos PMs que atenderam a ocorrência.

As câmeras de monitoramento do condomínio registraram toda a ação. Nas imagens, é possível ver a médica sendo levada para fora do prédio pela autoridade. Ela se joga no chão e o PM começa a conversar com um integrante da família, que se aproxima. Em seguida, o policial tenta dialogar com a mulher, mas ela pula no pescoço dele e começa a agredí-lo.

Outras pessoas começam a se aproximar do policial e da médica, tentando separá-los. Mas, em vez disso, acabam discutindo entre si e dando socos umas nas outras. Os moradores brigam e se agridem por vários minutos, inclusive as mulheres do prédio.

Além disso, testemunhas relatam que a médica xingou os funcionários do prédio. Ela teria ofendido uma moradora, a chamado de ‘preta’, os funcionários de favelados, pobres e dito que seriam mandados embora.

Depois disso, os policiais militares saíram com o casal de médicos do condomínio. A mulher aparece nas imagens sendo arrastada pela rua e o homem sendo contido e colocado dentro da viatura.

O casal foi levado para a Delegacia Sede de Guarujá. O delegado ouviu os dois médicos e os liberou ainda durante a manhã. De acordo com a Polícia Civil, eles responderão pelos crimes de injúria racial, resistência, desacato, lesão corporal, ameaça e perturbação do sossego.

Fonte: G1/Santos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s