ECONOMIZE ATÉ 240% EM COMIDA E BEBIDA NA PRAIA
O COCO VERDE VENDIDO POR R$ 8 EM ALGUMAS PRAIAS É ENCONTRADO POR R$ 2,58 EM UM SUPERMERCADO
 
 

Antes de descer para o Litoral Sul, onde festejou o Natal e passará o Réveillon, a aposentada Maria de Fátima Cardoso, 50 anos, fez estoque de água e refrigerante para levar tudo em um cooler para a areia. Com isso, Fátima consegue economizar 240% e 216% nos gastos com as duas bebidas, respectivamente. “Como fico muitos dias no litoral, se eu não me programar antes, passo janeiro inteiro tentando cobrir o prejuízo das festas. Para eu e meu filho comermos um lanche na praia, com pastel e refrigerante, lá se vão R$ 24. Imagina isso todo dia? Não tem condições”, afirma.

O DIÁRIO pesquisou o preço de alguns itens tipicamente de verão, como cerveja e petiscos, em Santos, Praia Grande e Guarujá, no Litoral Sul, e em três supermercados da capital.

O mesmo coco verde vendido por R$ 8 na Praia do Embaré, em Santos, é encontrado por R$ 2,58 a unidade no supermercado Extra.

A dica, mesmo para quem leva o próprio lanche para a areia, é pesquisar. O preço dos petiscos, como bolacha recheada, varia 108% nos supermercados.

Até o próprio cooler apresenta uma diferença de 101%, de acordo com o levantamento feito pela reportagem nos supermercados.

DESPESAS EXTRAS: O consultor financeiro Dori Boucault afirma que a prática de levar os produtos que se pretende consumir na praia é a mais recomendada para evitar sustos quando a viagem acabar. “Os custos de tudo estão altos e nas praias não é diferente. Conforme mais pessoas vão, o preço fica maior. É preciso lembrar que, depois das férias, janeiro é um mês de despesas pesadas, como material escolar, IPTU, IPVA e parcelas das compras de Natal.”

Além disso, Boucault alerta para o acumulado da inflação. O IPCA (Indice de Preços ao Consumidor) está em 6,5% neste ano.  Segundo o consultor, além de levar os próprios alimentos para a praia, é recomendável que o turista faça boas refeições, como o café da manhã, em casa, para não cair de “boca” nas tentações.

No caso dos quitutes, a porção de camarão vai de R$ 30, na Praia Grande, a R$ 79, no Guarujá. Já o pastel de carne/queijo, em quiosques de Santos, chega a apresentar variação de 60% (de R$ 5 a R$ 8).

Fonte Parcial: Diário de São Paulo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s