QUANDO O IRMÃO DA PREFEITA ZOMBA DE UM VEREADOR, CONSTATAMOS QUE A CIDADE CHEGOU NO FUNDO DO POÇO!
A PREFEITA QUE NOMEOU O MARIDO OUVIDOR, CONTRATOU DEZENAS DE MEMBROS DO PARTIDO COMO COMISSIONADOS, VEM SENDO CONDENADA POR MALVERSAÇÃO DE DINHEIRO PÚBLICO E A FAMÍLIA AINDA ZOMBA DE QUEM DEVE FISCALIZAR UM GOVERNO CORRUPTO? QUANDO SERÁ QUE O MINISTÉRIO PÚBLICO DE GUARUJÁ VAI ACORDAR, NA PRÓXIMA GESTÃO?
 
valxirmaodaprefeita
.
ONDE ESTÃO AS AÇÕES DO MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL AOS VISÍVEIS CASOS DE CORRUPÇÃO NO GUARUJÁ?
.
a-tribuna-11-09-10_mp1
 
POIS É, PARECE QUE O CLÃ BRITO DOS MORRINHOS SE ACHAM DONOS DA ILHA DE SANTO AMARO!
.

VEREADOR EDÍLSON DIAS (PT), SERÁ QUE PRECISAMOS ESCREVER MAIS ALGUMA COISA SOBRE AS COMPRAS DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO?
APÓS A COMPRA DO COLÉGIO DOMINGOS DE MORAES DE UM FANTASMA, CARNE SUPERFATURADA E VENCIDA E MELANCIAS A R$ 30,00, SERÁ QUE O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ACORDOU, OU NÃO?
 
 
 VEREADOR VAL (PSB), “EXPRICA PRO POVÃO”, COMO A HERDEIRA DA UNIVERSIDADE QUE USA UM PRÓPRIO PÚBLICO É SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO. CADE A LEI ORGÂNICA DO MUNICÍPIO? JÁ SEI, O VEREADOR GIVALDO (PSD) COMEU OU VAI COMER!
.

COM BROCHE DE DILMA, SARNEY VOTOU EM AÉCIO NEVES!
 BEM COMO DIZEM POR AI, TRAÍRAS ANDAM EM CARDUMES E ESSE CARDUME CHAMA-SE PMDB!
 
ESSE PARTIDO DA PREFEITA DE GUARUJÁ É DE MATAR CANDIDATO DE VERGONHA, BANDO DE TRAÍRAS DA PÁTRIA!
.

VÍDEO MOSTRA MÉDICA AGREDINDO PM E BRIGA ENTRE MORADORES EM GUARUJÁ. 
CÂMERA DE SEGURANÇA FLAGROU BRIGA GENERALIZADA DURANTE CHURRASCO. CASAL DE MÉDICOS RESPONDERÁ POR VÁRIOS CRIMES, INCLUSIVE INJÚRIA RACIAL.
 
.

As câmeras de monitoramento de um prédio em Guarujá, gravaram o momento em que dois médicos agridem um policial militar e moradores do condomínio, que haviam reclamado do barulho durante uma churrascada na madrugada desta segunda-feira (27). O casal foi detido e liberado em seguida mas, segunda a polícia, responderá por pelo menos seis crimes, entre eles injúria racial.

Os vizinhos e moradores do edifício pediram para que os médicos respeitassem a lei do silêncio, já que estavam fazendo muito barulho durante a festa. A solicitação não foi acatada e os condôminos, então, chamaram a Polícia Militar. O casal, que já havia ingerido bebida alcoólica, xingou os moradores e agrediu um dos PMs que atenderam a ocorrência.

As câmeras de monitoramento do condomínio registraram toda a ação. Nas imagens, é possível ver a médica sendo levada para fora do prédio pela autoridade. Ela se joga no chão e o PM começa a conversar com um integrante da família, que se aproxima. Em seguida, o policial tenta dialogar com a mulher, mas ela pula no pescoço dele e começa a agredí-lo.

Outras pessoas começam a se aproximar do policial e da médica, tentando separá-los. Mas, em vez disso, acabam discutindo entre si e dando socos umas nas outras. Os moradores brigam e se agridem por vários minutos, inclusive as mulheres do prédio.

Além disso, testemunhas relatam que a médica xingou os funcionários do prédio. Ela teria ofendido uma moradora, a chamado de ‘preta’, os funcionários de favelados, pobres e dito que seriam mandados embora.

Depois disso, os policiais militares saíram com o casal de médicos do condomínio. A mulher aparece nas imagens sendo arrastada pela rua e o homem sendo contido e colocado dentro da viatura.

O casal foi levado para a Delegacia Sede de Guarujá. O delegado ouviu os dois médicos e os liberou ainda durante a manhã. De acordo com a Polícia Civil, eles responderão pelos crimes de injúria racial, resistência, desacato, lesão corporal, ameaça e perturbação do sossego.

Fonte: G1/Santos


MÉDICOS SÃO DETIDOS APÓS AGREDIREM PM E CHAMAREM VIZINHA DE “PRETA”. 
CASAL ESTAVA FAZENDO UM CHURRASCO E DESRESPEITANDO A LEI DO SILÊNCIO. MÉDICOS FORAM OUVIDOS E LIBERADOS, MAS RESPONDERÃO POR SEIS CRIMES.
 
 

Dois médicos foram detidos, na madrugada desta segunda-feira (27), após agredirem fisicamente um policial militar e xingarem moradores de um condomínio em Guarujá. Os médicos foram ouvidos e liberados, mas terão que responder, segundo a polícia, por seis crimes diferentes.

De acordo com testemunhas, o casal estava fazendo um churrasco com a família em uma área de convivência de um prédio, localizado no bairro Jardim Tejereba, na noite deste domingo (26). Vizinhos e moradores do condomínio pediram silêncio a eles, já que todos estariam gritando e falando muito alto. “Eles pediram para terminar com o churrasco e obedecer à ordem de silêncio. A médica não gostou da reclamação dos vizinhos. O pessoal foi falar com eles e os dois ficaram debochando”, conta um morador, que prefere não ser identificado.

O problema persistiu e os moradores resolveram chamar a Polícia Militar. “Eles estavam muito embriagados. Os médicos começaram a xingar e o policial deu a ordem de prisão por desacato. Um rapaz da família da médica agrediu um morador e a médica agrediu o policial quando ele deu a ordem de prisão”, diz o morador. O PM ficou com as marcas de arranhões espalhadas pelo corpo.

Além disso, testemunhas contam que a médica xingou os funcionários do prédio. Ela ofendeu uma moradora. Chamou ela de ‘preta’, os funcionários de favelados, pobres e disse que seriam mandados embora”, relata.

O casal foi levado para a Delegacia Sede de Guarujá. O delegado ouviu os dois médicos e eles foram liberados durante a manhã. De acordo com a Polícia Civil, eles responderão aos crimes de injúria racial, resistência, desacato, lesão corporal, ameaça e perturbação de sossego.

Fonte G1/Santos


gigantepelanatureza
 .

ACABARAM AS ELEIÇÕES, SERÁ QUE A PREFEITA GAFANHOTA E SEUS GAFANHOTOS DE SANTOS VOLTARÃO A TRABALHAR NO GUARUJÁ?
QUANTO AO VEREADOR TODY, COMO ELE TRABALHA SOMENTE NA TERÇA-FEIRA, NÓS VAMOS DAR UM DESCONTO, DESDE QUE ELE NÃO ESTEJA COBRANDO HORAS EXTRAS DA CÂMARA MUNICIPAL!
 
 
E A LEI SOARES QUE NÃO ENXERGA ESSAS COISAS, CARO PROFESSOR ÉLIO LOPES?
.